Folha de Pagamento Prodesp

Folha de Pagamento Prodesp – Quando falamos em folha de pagamento, já imaginamos o senso de organização e a paciência que o responsável pelo setor deverá ter para manter tudo em dia. Afinal de contas, a lei brasileira obriga todas as instituições que empregam a manter tal documento.

Pois bem, se isso já é ruim de imaginar em uma empresa pequena e uma dor de cabeça em grandes corporações, é difícil entender como funciona a lógica de um órgão estadual como o governo de São Paulo. Apesar de conter um número incontável de servidores – aposentados ou ainda na ativa – o governo mantém uma base sólida e confiável graças ao PRODESP, que une todas estas informações em um único site. Vamos explica como ele funciona.

Como funciona a folha de pagamento Prodesp?

A sigla PRODESP, pela qual é conhecida o sistema de emissão da folha de pagamento dos servidores e aposentados do Estado de São Paulo, não tem nada a ver com o serviço – as letras representam a Companhia de Processamento de Dados do Estado de São Paulo, que gere este sistema e diversos outros.

O site responsável pela emissão da folha de pagamento Prodesp é o E-Folha (http://www.e-folha.sp.gov.br/), que permite uma alta quantidade de serviços, como comprovante de rendimentos, demonstrativo de pagamentos, contribuições à previdência, entre outros serviços menores – fichas de rescisão, legislação vigente sobre o tema e informações sobre auxílio-funeral e óbitos. O serviço, apesar de totalmente online, é controlado por razões óbvias – afinal, ninguém quer ter seus dados vazados na grande rede de computadores, inclusive sua própria renda.

Folha-de-pagamento-ProdespAo acessar o site, você pode navegar pela aba lateral no lado esquerdo e procurar o que mais se encaixa com sua necessidade – se você, por exemplo, quer seu holerite e trabalha para a Assembleia Legislativa do Estado, pode entrar em “Demonstrativo de pagamento” e, em seguida, clicar em “ALESP”. O sistema é bastante prático e intuitivo de ser operado. Mas é necessário uma senha para que o usuário tenha acesso aos dados.

Essa senha é criada junto com o RS, o Registro de Servidor, que todo indivíduo a serviço possui. Caso você não possua este cadastro no portal, entre na alternativa desejada e, na página de login e senha, clique em “criar senha” ou então em “primeiro acesso” – os nomes podem variar de acordo com a área do site. Aí bastam preencher os dados necessários e você já terá acesso ao portal, onde tudo relativo à sua situação com o governo do estado de São Paulo, no que se refere ao pagamento de vencimentos, estará discriminado.